Resenha Literária: Os Dez Mandamentos

FICHA TÉCNICA
Título: Os Dez Mandamentos - Vol. 1
Autor: William Douglas Resinente
Numero de página: 320
Ano: 2015
Skoob: Os Dez Mandamentos
Onde Comprar? 
 Saraiva - Cia dos Livros - Livraria Curitiba

{SINOPSE}
Os Dez Mandamentos – Volume 1 narra, com criatividade e romantismo, mas com fidelidade aos fundamentos bíblicos, a jornada de Moisés desde a humilde infância até os dias de poder dentro do palácio, sua fuga para o deserto e o inesquecível momento em que é chamado por Deus para torna-se líder dos judeus. Tudo isso temperado por intrigas palacianas, romances proibidos e a grande fé que uma nação inteira deposita em seu e Deus.Este é o primeiro volume do romance baseado na telenovela de grande sucesso Os Dez Mandamentos, dirigida por Alexandre Avancini e escrita por Vivian de Oliveira, a partir dos relatos Bíblicos de Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio. Exibida pela Rede Record para todo o Brasil, a grande produção estrelada por Guilherme Winter, Samara Filipo e Mel Lisboa alcançou altos níveis de audiência e até a liderança do horário, tornando-se um marco na teledramaturgia brasileira.
{RESENHA}
O livro fala da história de Moisés. De como o povo Hebreu sofreu nas mãos dos Egípcios e de tudo o que Moisés passou até ser considerado príncipe. Na verdade você vai ter a Bíblia no livro.  A leitura é um pouco cansativa pelo fato das letras serem um pouco menores que o normal, mas a história lhe empolga bastante.

No começo de tudo Joquebede teve que esconder a sua gravidez de 9 meses porque o faraó Seti I tinha ordenado aos seus soldados que todos os bebês do sexo masculinos e que fossem hebreus deveriam serem jogados no rio para que lá eles morressem afogados ou algum animal o devorassem.
Joquebede tinha muito medo de perder seu filho que, no desespero ela simplesmente pensou em colocá-lo dentro de um sexto e o soltá-lo no rio para que a correnteza o levasse    , mas sua irmã Miriã resolveu seguir o rumo que o sexto seguia, e de repente quem encontra o sexto? A filha do faraó, a princesa, chamada Henutmire.


Miriã ao ver que a princesa tinha encontrado o sexto e dito que os deuses tinha lhe concebido um filho ofereceu-se para chamar uma ama de leite para a criança pois com certeza a princesa iria precisar, e claro que ela chamou a sua mãe. E ai damos um ponta pé inicial da história de Moisés.
A princípio o faraó não queria aceitar aquele menino pois tinha medo de que quando ele crescesse se voltasse contra o povo egípcio. Mas como foi um pedido da sua filha ele o aceitou e aceitou também o pedido de Henutmire que parasse de matar as crianças da vila dos Hebreus. Moisés foi levado pela sua ama, mas com 3 anos de idade foi tomado por Henutmire e lavado para viver como egípcio.

Moisés foi crescendo e crescendo e muitas coisas foram acontecendo, ele não sabia que na verdade ele não era egípcio, e foi crescendo até mesmo humilhando os Hebreus sem saber que a sua família era Hebreia. Ele foi responsável por algumas obras que foram feitas através dos Hebreus para benefício dos Egípcios.



Se você parar pra ler o livro e se dedicar na leitura dele você vai ver a história de um dos personagens que mais me chamou a atenção que foi Num. Ele sempre ajudou a família de Moisés, até mesmo antes dele (Moisés) ter nascido. Num sofreu bastante nas mãos do feitor Apuki e foi muito chicoteado.

A história do povo Hebreu é muito triste e por vezes dá vontade de chorar com tanto sofrimento acontecendo a esse povo. Mas o mais bonito desse povo é que eles são tementes a Deus. Não abandonam a fé e estão sempre em constante oração.

Literalmente o livro é uma história romanceada, falo isso do primeiro volume. Você vai ver muito romance envolvido. Moisés por exemplo não desiste da sua amada Nefertari disputando até o amor dela com o herdeiro do faraó, o príncipe Ramsés.

Eu tenho mania de dizer que o livro poderia ser chamado de “A vida de Moisés” ou algo relacionado aos livros de “Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio” porque não foca nos Dez Mandamentos e sim nesses livros e mais especificamente na vida de Moisés hehe. Ao menos no primeiro volume eu tive essa visão. Vamos ver no segundo kkkk.


Por fim, é um livro bom, mas, como eu falei um pouco cansativo devido as letras serem menores do que o comum. Mas a história é legal. E se você tem alguma dúvida a mais ou quer conhecer a história do povo hebreu e de Moisés consulte a Bíblia para mais informações hehe.

É isso criativos, se você gostou desta resenha deixa um comentário ai, e se já leu o livro deixa ai nos comentário o que você achou dele. Eu fico por aqui mas em breve voltarei ok? Então fiquem atentos no blog e sigam as nossas Redes Sociais que estão logo abaixo. :*

 Siga O Cristão Criativos nas Redes Sociais:

18 comentários